Sistemas de inspeção por raio X  

A Ishida mantém sua posição como lÍder do setor com os sistemas de inspeção por raio X topo de linha, Série IX, que podem detectar corpos estranhos das mais baixas densidades, superando muito os modelos convencionais no mercado.

A série IX é a única no setor para uso dos "Algoritmos Genéticos" (GA) patenteados pela Ishida em sua tecnologia de processamento de imagens. Totalmente adaptável para aplicações especÍficas, os GA garantem uma inspeção completa do seu produto em todo o espectro de corpos estranhos, em nÍveis de sensibilidade incomparáveis.

Com a série IX, podemos garantir:

  • Completa paz de espírito com a qualidade do seu produto.

  • Crescimento contínuo de clientes leais à sua marca.

  • Registros completos de todos os dados de produção, permitindo que você permaneça
    com a sua linha de produção sob controle.

10 Dicas Para Selectionar O Sistema De Raio-X Mais Adequado

A decisão de comprar equipamentos de inspeção de raios-X pode ser assustadora para os produtores de alimentos. Depois de decidir qual o produto que a máquina manipulará e a função da máquina que será responsável, ainda há uma série de fatores importantes a serem considerados. Leia abaixo um rápido guia das 10 principais considerações ao escolher um sistema de inspeção de raios-X.


1. Geradores
Em uma máquina de raios-X, o gerador produz os raios-X que são transmitidos através do produto e corpos estranhos. Quanto maiores suas especificações, melhor o desempenho da máquina - e maior a qualidade da inspeção.
2. Sensores de linha

Enquanto a maioria das máquinas tem apenas um sensor, vários sensores proporcionam imagens contrastantes maiores - isso é útil em aplicações como aves, onde existem baixas diferenças de densidade entre o produto e o corpo estranho.

IX-G2 dual energy sensors

 

3. Pixels
Assim como você obtém pixels em câmeras digitais, você os encontrará em sensores de linha. Quanto menores forem os pixels, melhor será a resolução.
4. Rejeição
O tamanho e o peso de seus produtos, bem como a rapidez com que você deseja fazer o processo de inspeção, irão influenciar sua decisão. De qualquer forma, esse mecanismo é vital para se livrar de produtos ruins.
5. Certificação
Há casos em que notificação ou registro na agência governamental é necessária para importar ou instalar unidades de raios-X. As diretrizes dependem do país, por favor, pergunte ao escritório local da ISHIDA para maiores detalhes.
6. Software
Isso tem um enorme impacto na adoção interna da tecnologia de raios-X. Você deve perguntar sobre a facilidade de uso da máquina e a rapidez com que as configurações podem ser ajustadas.
7. Software de criação de imagens
Todos nós vimos imagens de raios-X granuladas que podem mostrar um objeto estranho ... possivel? Quando a densidade do produto e o corpo estranho estão próximos, o hardware da máquina pode ter dificuldade, no entanto, o software pode ser usado para melhorar as imagens.
X-ray image of wieners_1
8. Suporte para sua aplicação
Os resultados da inspeção de raios-X dependem das imagens geradas. Portanto, é importante trabalhar com uma organização que conheça seu setor e que pode ajudá-lo a alinhar seu equipamento com sua aplicação.
9. Treinamento
Embora os sistemas de raios-X não sejam complexos de entender, o treinamento é essencial para construir o conhecimento para utilizá-los com segurança e conformidade.
O Algoritmo Genético (GA) é função de software de aprendizado e ajuste continuo na produção, o que permite uma evolução continua do processo de inspeção.
10. Custo de propriedade
Em última análise, você obtém o que você paga. É importante avaliar qual tipo de raio X irá atender às suas necessidades, juntamente com a qualidade do suporte, o treinamento disponível e a manutenção contínua do serviço, antes de tomar uma decisão.
 

Explore nossa linha abaixo:

Série IX-G2

Este modelo de próxima geração é capaz de detectar o menor dos corpos estranhos, combinando um sensor de energia dupla com a tecnologia GA.

Leia mais

Série IX-EN

Nossos econômicos sistemas de inspeção por raio X fornecem excelente sensibilidade de detecção com base na tecnologia GA.

Leia mais

Série IX-GN

A análise de imagem de 7 estágios permite que esse modelo realize a detecção de alta sensibilidade da mais ampla gama de materiais estranhos.

Leia mais


Inspeção de raio X para produtos de tamanho médio-grande

A relação custo-efetividade da IX-EN agora se estende para produtos de tamanho maior, oferecendo ao mesmo tempo uma necessidade menor de espaço para acomodar restrições de tamanho.

Leia mais


Sistema de inspeção por raio X para os produtos maiores

Este sistema de inspeção por raio X fornece a sensibilidade de detecção na força necessária para caixas, estojos e produtos a granel.

Leia mais

Sistema de inspeção por raio X compacto

A mesma qualidade de inspeção dos nossos principais modelos IX, contido em uma estrutura menor ideal para linhas de produção com menor espaço.

Leia mais


IX-GN K Series

Este sistema de inspeção por raio X mantém excelente sensibilidade de detecção nas condições de operação mais difíceis, impermeabilizadas para permitir uma limpeza completa e abrangente.

Leia mais

Sistema de feixe lateral série IX-GA

Este sistema de raio X usa um feixe lateral para inspecionar produtos de alimentos e bebidas em recipientes verticais altos, tais como garrafas, embalagens de papelão e sacos que permanecem de pé.

Leia mais


Sistema de inspeção por raio X com transportador

Com a adoção de um transportador em forma de plataforma, este sistema de inspeção por raio X pode transportar corretamente produtos soltos ou a granel sem sobrepeso ou erro.

Leia mais